Edição 19 Revistas

Fotógrafo de Parauapebas vence Prêmio de Fotografia e Turismo do Estado do Pará

O fotógrafo de Parauapebas Anderson Souza foi um dos vencedores do Prêmio de Jornalismo em Turismo Comendador Marques dos Reis que aconteceu na última semana, dia 15 de novembro em Belém. Como já mencionado na nossa coluna anterior, a premiação foi uma inciativa da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo do Pará (Abrajet Pará), com o apoio das Secretarias de Turismo (Setur) e Comunicação (Secom), da Abrajet Nacional e do Sindicato dos Jornalistas do Pará (Sinjor/PA).

Anderson venceu na categoria #MeuBemPará que é uma categoria livre, para profissionais ou não da área de comunicação e turismo participarem. Esta categoria, de acordo com a SECOM, visa estimular a participação de um público mais amplo e dialogar com este cenário atual da internet, redes sociais e os vários olhares que cada um possui dentro da riqueza e diversidade natural e cultural do Pará.

Foram cinco imagens selecionadas no #MeuBemPará e cada vencedor levou para casa R$ 1 mil pela premiação. Na oportunidade, o fotógrafo não pôde estar presente para receber o prêmio, mas mesmo de longe vibrou com o reconhecimento a nível estadual publicando em suas redes sociais. A foto é um recorte da paisagem da cidade de Marabá tendo como pano de fundo o Rio Tocantins e as belezas de um pôr-do-sol espetacular.
Anderson tem fotografado muito nos últimos anos na região, com um trabalho que vem crescendo expressivamente. Registros artísticos que passam pelas cidades de Marabá, Curionópolis (Serra Pelada), Parauapebas e Serra dos Carajás. Atualmente ele está com uma exposição do povo Xikrin do Kateté, que acabou de desembarcar na Itália, para um momento único no Mercatino Della Fantasia, que é um projeto conduzido pelo padre Italiano Roberto Sibani que faz uma conexão com a cidade de Parauapebas há alguns anos.
Ao todo, a exposição possui 20 fotografias que perpassam pela narrativa fotográfica de quatro anos de Anderson registrando os índios das comunidades Xikrin do povo Kayapó: Ôodjân, Djudjêkô e Kateté.

Anderson já teve trabalhos publicados pela BBC Brasil e, em maio deste ano, participou da exposição The Family Of Man, em Golshahr, no Irã, como convidado do coletivo EveryDay Brasil, na oportunidade representando o Estado do Pará com a cultura indígena Xikrin. Algumas das obras do fotografo podem ser adquiridas pelo conto comercial disponível nas suas redes sociais.

Saiba quais os ganhadores da categoria #MeuBemPará do Prêmio de Jornalismo.
1º Lugar: Luiz Cláudio Nascimento Ferreira – “Cavalhada”
2º Lugar: Rafael Fernando Serrão Chaves – “Quando a vida é uma poesia”
3º Lugar: Otavio Henriques Nascimento Ferreira Neponucena – “Imponente”
4º Lugar: Maria da Conceição Miranda de Souza – “Pedra do Ver o Peso”
5º Lugar: Anderson dos Santos de Souza – “Olhar Carajás”
Até o nosso próximo encontro!

 

Fonte: https://www.correiodecarajas.com.br/

Comentário

Faça seu comentário